Entre em contato conosco

Fórmula 1

Relembrando o Grande Prêmio do Brasil de 2019

Publicado:

em

Compartilhe esta publicação

Finalmente chegou o tão esperado final de semana do Grande Prêmio Brasil de Fórmula 1, a prova que ocorreu pela ultima vez em  novembro de 2019, já está alegrando a torcida brasileira por aqui. Agora… você lembra da prova de 2019? Neste texto iremos recordar o que aconteceu dois anos atrás.

O GP de 2019 trouxe grandes emoções como de costume, já que a dupla de pilotos da Ferrari em uma disputa por posições acabaram se tocando e abandonaram a prova. O pódio foi formado por Max Verstappen, Pierre Gasly e Carlos Sainz que herdou o terceiro lugar.

A história da corrida

Grande premio do Brasil

Charles Coates/Getty Images

Verstappen conquistou a pole em 2019 e teve ao seu lado a Ferrari de Sebastian Vettel, mas já na largada Hamilton ultrapassou o alemão. Charles Leclerc que começou a prova no meio do pelotão na segunda volta aparecia em décimo primeiro, com Norris e Riccardo vindo a trás. 

Na oitava volta em uma disputa por posições Riccardo e Magnussen (Haas) se tocaram o que forçou os dois a irem para o box e retornaram no final do grid, com Daniel posteriormente recebendo uma punição de 5 segundos.

Lewis Hamilton foi para o box na volta 21 enquanto Verstappen entrou na volta 22, o facilitou para o piloto inglês ficar a frente do holandês, já que na saída do box Max, ficou atrás de Kubica. O piloto polonês também recebeu uma punição de 5 segundos posteriormente. 

Nesta parte da prova, você deve estar se perguntando… E quem está na ponta? Bom a liderança da prova era de Vettel, seguido por Bottas, Albon e Leclerc, nas a surpresa não para por ai, já que na volta 23 Verstappen ultrapassou Hamilton no S do Senna. Bottas parou na volta 27, mas retornou na volta 42 para fazer outra troca de pneu, Hamilton parou na volta 44 e Verstappen na 45.

Bottas abandonou a prova na volta 53 com problemas no motor o que gerou a entrada do carro de segurança na prova. 

Na volta 60 acorreu a relargada, Albon ultrapassou Vettel e aparecia em terceiro lugar. Já na volta 66 o alemão era ultrapassado pelo companheiro de equipe Charles Leclerc, mas na reta oposta Vettel deu o troco, mas acabou se tocando com o monegasco causando a entrada novamente do carro de segurança e os dois abandonaram a prova.

Para a relargada a ordem era, Verstappen, Albon, Hamilton e Gasly, mas após disputar a segunda colocação o piloto inglês acabou tocando no tailandês que saiu prejudicado. Por conta do incidente Hamilton foi investigado e acabou caindo para sétimo na classificação e o pódio fechou com Verstappen em primeiro seguido por Gasly e Sainz. Lembrando que o espanhol subiu ao pódio posteriormente, pois a punição do inglês atrasou o que gerou um pódio solitário ao piloto da McLaren.

Grande Premio do Brasil

McLaren racing

O que esperar da prova de 2021

A prova deste ano está com as expectativas altas, pois a disputa entre Max Verstappen e Lewis Hamilton pelo título está acirrada, e com um tempero especial já que os dois pilotos foram chamados pela FIA para uma conversa, já que uma investigação sobre o DRS da Mercedes foi aberta e o holandês por ter tocado na asa traseira do inglês enquanto o carro estava no regime de parque fechado, violando assim o artigo 2.5.1do Código Esportivo da FIA. 

Compartilhe esta publicação