Entre em contato conosco

Fórmula 1

Daniel Ricciardo é o mais rápido da manhã pelo segundo dia seguido

Publicado:

em

Daniel Ricciardo
Compartilhe esta publicação

A manhã do segundo dia de testes da pré-temporada foi marcada pelo tão aguardado retorno de Fernando Alonso à Fórmula 1 e a estreia de Sergio Pérez na Red Bull. Alonso terminou a sessão como o segundo mais rápido e Pérez o terceiro, ambos usando pneus duros C2.

Já Daniel Ricciardo está cada vez mais em casa na McLaren. O australiano foi novamente o mais rápido da sessão com 1min32s215 com o pneu médio C3 e completou 52 voltas.

Na Mercedes, a manhã não foi como planejada. Dessa vez o escalado para o primeiro turno foi Lewis Hamilton, que saiu do box com o carro repleto de grelhas aerodinâmicas para tentar recuperar o tempo perdido ontem.

Quem também não teve uma boa manhã foi Sebastian Vettel. O alemão passou boa parte da sessão no box enquanto a Aston Martin lidava com um problema na caixa de câmbio. Vettel acabou completando apenas 8 voltas, lembrando que ele tem só mais uma sessão para se ajustar ao carro.

Daniel Ricciardo

Imagem: F1

Carlos Sainz teve dificuldades na Ferrari e chegou a rodar, assim como Mazepin na Haas. Sainz acabou a manhã em sexto e Mazepin foi nono

A MANHÃ NO BAHREIN – A maioria das equipes optou por escalar um piloto por sessão. Para a manhã tínhamos Carlos Sainz na Ferrari, Daniel Ricciardo pela McLaren, Lewis Hamilton na Mercedes, Sebastian Vettel na Aston Martin, Nikita Mazepin na Haas, o novato Yuki Tsunoda pela AlphaTauri e Antonio Giovinazzi na Alfa Romeo. Já a Williams optou por colocar Nicholas Latifi no carro nas duas sessões, assim como Sergio Pérez ficará o dia todo no carro da Red Bull e Fernando Alonso na Alpine.

Daniel Ricciardo

Imagem: Red Bull Racing

A ação na pista começou assim que liberado, com Ricciardo sendo o primeiro na pista. O começo da sessão teve céu encoberto pela poeira e muito vento, mas nada comparado a tarde da sexta-feira.

Por alguns minutos Tsunoda assumiu a ponta com a volta mais rápida, mas logo foi substituído por Pérez, que acabou superado por Alonso. Mas Sainz, usando os protótipos da Pirelli, foi mais rápido, marcando 1min33s072, tempo que liderou a tabela até o fim da primeira hora de testes.

Alonso fez uma boa volta e marcou 1min32s769, superando Sainz. O espanhol e Ricciardo alternaram na liderança, até o australiano marcar 1min32s215, a volta mais rápida de toda a sessão.

Imagem: Alpine

Com quase duas horas de sessão Hamilton perdeu controle do carro e acabou na caixa de brita, causando um bandeira vermelha. Foram 16 minutos de paralização até que o carro fosse recuperado. Hamilton ainda conseguiu voltar à pista e completar mais voltas. Mas a equipe está sob pressão com início ruim para a temporada.

Imagem: Reprodução/F1 Tv Pro

Faltando cinco minutos para o fim das quatro horas, a sessão foi finalizada por uma bandeira vermelha programado pela direção de prova para testar seus sistemas.

O segundo dia de testes segue no período da tarde no Bahrein com mais Alonso na pista, Pérez segue se ajustando à Red Bull e Valtteri Bottas assume o carro da Mercedes para tentar fazer mais do que as 6 voltas de ontem.

Daniel Ricciardo

Imagem: F1

Compartilhe esta publicação