Entre em contato conosco

Fórmula 1

Max Verstappen vence classificação sprint e garante pole para o GP da Inglaterra

Publicado:

em

Compartilhe esta publicação

Vertappen vence a primeira classificação sprint – Red Bull

O sábado em Silverstone começou com o segundo treino livre, mas diferente de outros finais de semana, as equipes não puderam testar diferentes ajustes já que os carros estavam em regime de parc fermé (parque fechado) desde a classificação na sexta-feira.

Max Verstappen (RBR) foi o mais rápido do TL2, seguido da dupla da Ferrari, Charles Leclerc e Carlos Sainz. Destaque da manhã ficou para Esteban Ocon (Alpine), que tem um novo chassi para este final de semana e foi o quarto mais rápido da sessão.

Classificação ao final do TL2 – Reprodução/F1

CLASSIFICAÇÃO SPRINT – pela primeira vez na Fórmula 1, o grid para a corrida de domingo foi definido em 17 voltas.

Verstappen, que largava em segundo, tracionou melhor no apagar das luzes e tomou a liderança que pertencia a Lewis Hamilton (Mercedes). O britânico pressionou o rival por algumas voltas, mas não conseguiu retomar a primeira posição e viu o holandês garantir a pole e de quebra ganhar três pontos.

“Eu consegui uma boa largada e foi uma boa disputa com o Lewis. Deu para ver que estávamos dando duro ao ver as bolhas nos pneus. Eu acho que amanhã será uma corrida interessante e estamos ansiosos”, disse Max.

Amanhã Hamilton larga em segundo e levou dois pontos pela posição ao término da sprint.

“Primeiro queria agradecer os fãs, a energia está incrível. Eu dei tudo de mim hoje, uma pena que não consegui vencer para eles, Amanhã vamos lutar de novo, mas eles [Red Bull] estão muito fortes”, revelou Lewis.

Valtteri Bottas (Mercedes) largou em terceiro, chegou a se aproximar do companheiro de equipe, mas ficou com a terceira posição e garantiu um ponto na sprint.

“Tentamos algo diferente para a largada, mas não pareceu funcionar muito para nós. Hoje nos mostrou que amanhã não vai ser fácil para nenhum piloto, tudo pode acontecer e isso torna as coisas excitantes”, apontou Bottas.

No pelotão do meio, Fernando Alonso (Alpine) largou em 11º e em quatro voltas já era o quinto colocado. O espanhol acabou sendo ultrapassado pela dupla da McLaren, Norris e Ricciardo, e amanhã será o sétimo no grid.

Ricciardo faz a ultrapassagem em cima de Alonso – Reprodução/F1 TV

Já Carlos Sainz e George Russell (Williams) acabaram batendo rodas na primeira volta, o que fez com que Sainz caísse para 18º e Russell para décimo. O espanhol fez um excelente trabalho de recuperação e terminou em 11º, enquanto o britânico foi o nono.

Na volta 7, Sérgio Pérez (RBR) que buscava a ultrapassagem em cima de Lando Norris acabou perdendo a traseira e rodando. O mexicano por sorte não bateu e não pareceu sofrer grandes danos, voltando a pista em 18º. Na penúltima volta a equipe optou por recolher o carro, e Checo Pérez largará na última posição.

Sérgio Pérez roda e perde 11 posições – Reprodução/F1 TV

O top 10 para amanhã tem ainda Leclerc em quarto, Norris em quinto, Ricciardo em sexto, Vettel em oitavo e Ocon em décimo. A largada do GP da Inglaterra está marcada para as 11h (horário de Brasília).

Grid ao final da classificação sprint – Reprodução/F1

Compartilhe esta publicação
Clique para Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *