Entre em contato conosco

Endurance

Ganassi confirma dois carros no IMSA para 2022

Publicado:

em

Chip Ganassi confirma dois carros na DPi pelo IMSA, focando em 2023, no LMDh.

Compartilhe esta publicação

Chip Ganassi amplia sua participação no IMSA WeatherTech, na classe DPi. Agora, a equipe contará com dois carros e com pilotos novos no time. Van der Zande continua na equipe, enquanto Magnussen se juntará à Peugeot no WEC. Alex Lynn, Earl Bamber e o 4 vezes campeão da IndyCar Series, Sebastien Bourdais.

Alex Lynn esteve presente na Fórmula E, guiando pela Mahindra Racing. Além dos anos categoria elétrica, Lynn traz contigo experiência em Le Mans. Na corrida deste ano, ele conseguiu um quarto lugar na classe LMP2. Lynn tem duas largadas com o Cadillac DPi-VR e com sucesso, já que ele venceu as 12 horas de Sebring. Ele diz que se sente ansioso para competir pela Ganassi e que o objetivo é vencer.

Earl Bamber é um piloto com grandes triunfos na carreira. O piloto da Nova Zelândia conquistou Le Mans duas vezes, pela LMP1, em 2015 e 2017. Atualmente, ele vem competindo nos carros de GT da Porsche, incluindo o IMSA WeatherTech. Nessa temporada, o P10 foi o melhor resultado de Bamber – que foi repetido duas vezes, em Daytona e Sebring. Earl afirma não saber quem é seu companheiro de carro e, também, se diz animado para competir na classe principal do IMSA.

Sebastien Bourdais tem passagens pela F1, Indy, 24h de Le Mans e pelo IMSA. Ele tem pilotado pela JDC-Motorsport, e tendo vencido as 12 horas de Sebring. Bourdais já correu pela Ganassi nas 24 horas de Le Mans, em 2016, 2018 e 2019. No IMSA, ele também correu pela Ganassi, pelo mesmo período, só que também, em 2017. O francês falou que está ansioso para competir com seus companheiros novos, e que é um ponto de viragem em sua carreira.

Foto: Ganassi

A Chip Ganassi teve uma vitória este ano, no Grande Prêmio de Detroit, em Belle Isle. Van der Zande, Magnussen e até Scott Dixon (correndo apenas endurance), sofreram com azar em Daytona. Em uma disputa com a WTR pela liderança, restando menos de 10 minutos para o fim, o trio acabou surpreendido com um furo no pneu traseiro, o que tirou a chance de vitória em Daytona.

Os pilotos que correrão nos carros serão anunciados antes das 24 horas de Daytona.

Compartilhe esta publicação
Clique para Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *