Entre em contato conosco

Estadual

DE VIRADA – O AMÉRICA FAZ 2 X 1 NO CRUZEIRO

Publicado:

em

Compartilhe esta publicação

Cruzeiro 1 x 2 América, no Estádio Mineirão na cidade de Belo Horizonte / MG , pela semi-finais do 11°. Campeonato Mineiro, partida realizada as 16:00 hora do dia 02 Maio 2021, Cruzeiro com uniforme 01(camisas, calção, meões azul, com número o dourado). América  com seu uniforme 02 (camisa , calções meões branco, com o número verde).

Aqui o Mineirinho sem papas na língua – Um jogo muito movimentado com oscilação entre as duas equipes que em determinados momentos (tempo) dominavam a partida e as substituições feitas pelo técnico do América surtiram mais efeitos, contudo, o time do Cruzeiro morreu depois dos 65’ minutos e acho que o técnico do Cruzeiro foi muito mal nas substituições.

Já o time do América iniciou bem, apesar de ser dominado quase o primeiro tempo da partida, no entanto, com as mexidas feitas pelo técnico do América, mudou a postura do time, que dominou o meio campo depois dos 65’ minutos e foi feliz, em um lance diferenciado que levou ao segundo GOL e consecutivamente a virada, Cruzeiro 1 x 2 América.

Acho que o VAR (sistema que orienta árbitros por vídeo) teve papel importante na manutenção do resultado do jogo, e o comportamento irresponsável do Técnico do América, que mostrou total destempero para um comande de time, que apesar de ser diferenciada, literalmente vez e teve comportamento inadequado em todo decorrer do jogo e causou muito mal estar quando da saída de campo.

 

Jogo a Jogo.

1°. Tempo: O jogo iniciou com dois times que se dedicaram em conquistar a partida, jogando com suas linhas altas e obrigando ao tive adversário ao erro, entretanto, houve erros de passe de ambas as equipes, mas mesmo assim, o time do cruzeiro foi melhor por volta de 20’ minutos tomando conta do meio campo, e sendo mais efetivo em seus ataques.

Já o time do América abdicou de desta Linha alta e passou a jogar no contra ataque, obrigando ao goleiro do Cruzeiro a praticar mais de uma defesa difícil, o que não durou muito, pois o time celeste passou a dominar o setor de meio campo, anulando outras jogadas do Coelho.

Então aos 39’ minutos em uma ligação direta do N°. 02 Cárceres (lateral direito) que colou o N°. 16 Bruno José (atacante pela esquerda) que escapou pela esquerda, chegando dentro da grande área e dando um passe com rara perfeição para o N°. 10 Rafael Sóbis (atacante) que bateu de bate pronto não dando tempo de reação no canto direito do goleiro do América e GOL, Cruzeiro 1 x 0 América, resultado final da primeira etapa.

2°. Tempo: O Cruzeiro iniciou melhor a etapa final, jogando pra frente dominando o jogo, obrigando o time do América, a se resguardar em sua defesa e sair no contra ataque, em um deste, o N°. 09 Rodolfo (atacante) após receber um lançamento dentro da grande área pelo meio, deu um carrinho, disputando a bola com o N°. 01 Fábio (goleiro) do Cruzeiro e mesmo assim conseguiu após tocar na bola, atingir o travessão na parte superior com saída da bola logo em seguida.

Ai aconteceu o lance que iria mudar todo desenvolvimento do jogo, aos 13 minutos, após troca de passes no meio campo houve um lançamento para lado esquerdo da defesa do América chegando ao N°. 16 Bruno José (atacante pelo lado esquerdo) e lanchando para dentro da grande aérea, lançamento este que a defesa do América tirou para fora da grande área, que sobrou nos pés do N°. 10 Rafael Sóbis (atacante) que disparou um chute para o gol e que acabou virando um passe para o N°. 07 Airton que dominou a bola e chutou sem dar chance e defesa ao goleiro do América e GOL Cruzeiro 2 x 0 América.

Como disse este foi o lance capital, pois o VAR foi acionado e anulou o GOL, uma vez que, o N°. 16 Bruno José (atacante) quando lançamento encontra-se impedido, o que parece ter jogado no time do Cruzeiro uma “balde com água fria” e depois só deu America após as substituições feitas por ambos os time, mas que foi melhor por parte do time do América.

Se pensarmos em banco de reservas, o time do América possui os melhores jogadores de qualidade, que fizeram a diferença e mudando a história do jogo, passando a dominar o meio campo e dominar ações da partida e aos 89’ em um escanteio batido pelo lado esquerdo da defesa do Cruzeiro, o N°. 11 Alé (meio campo) cabeceou a bola para lado esquerdo alto da meta sem dar chance para o goleiro e GOL Cruzeiro 1 x 1.

Mas o time do América queira mais e em uma troca de passe, já no campo de defesa do Cruzeiro e aos 93’ minutos o N°. 18 Ademir (atacante pela meia direita) recebeu um lançamento pelo meio da grande aérea e se jogou para chegar na bola, sendo que o desvio foi o suficiente para pegar o goleiro do Cruzeiro no contra pé, sendo que a bola entrou no lado esquerdo e GOL Cruzeiro 1 x 2 dando números finais ao Clássico

Curiosidades:

  • O time a América vai disputar a Série A do Campeonato Brasileiro Módulo I de 2021;
  • Já time do Cruzeiro encontra-se na Série B no Módulo II do Campeonato Brasileiro de 2021;
  • No ultimo jogo entre as duas equipes o GOL feito pelo time do América foi feito em situação de impedimento, uma vez que não tinha a figura do VAR (sistema que orienta árbitros por vídeo);
  • O time do Cruzeiro perdeu o segundo jogo consecutivo para o time do América nesta competição.

Ficha Técnica:

Cruzeiro: 01 Fábio, 02 Raúl Cáceres, 04 Ramón, 34 Weverton, 06 Matheus Pereira, 15 Adriano, 17 Matheus Barbosa, 27 Rômulo, 16 Bruno José, 07 Airton, 10 Rafael Sóbis, técnico Felipe Conceição – 4-1-2-3

Substituições: 73’minutos 11 Willian Pottker e 19 Stênio, 75’ minutos Matheus Neris, 81’ minutos 16 Bruno José e 88 Jadson,

América: 01 Matheus Cavichioli, 02 Diego Ferreira, 04 Anderson, 03 Eduardo Bauermann, 06 João Paulo, 05 Zé Ricardo, 08 Juninho, 11 Alé, 10 Bruno Nazário, 09 Rodolfo, técnico Lisca – 4-1-2-3.

Substituições: 67’minutos 19 Ribamar e 00 Leandro Carvalho, 80’ minutos 18 Ademir, 94’ minutos 13 Marlon.

Considerações Finais:

O time da Toca da Raposa foi batido pelo time do América que mostrou estar em um nível superior, por ter conjunto melhor e estar técnica e taticamente acima, além de ter um plantel mais qualificado.

Diferentemente dos outros jogos, jogadores como Rômulo e Matheus Barbosa não jogaram seu melhor futebol e as substituições colocando Matheus Neris e Jadson que é sabido o desempenho dos mesmos e bem ruins, além de estarem mal tecnicamente e sem ritmo de jogo.

O técnico do América vez as substituições para mudar a forma de jogar do time e foi muito feliz nas mudanças, melhoraram o desempenho e modificaram o panorama da partida, porque tem um banco de reserva mais qualificado.

O VAR (sistema que orienta árbitros por vídeo) utilizado agora nas finais do Mineiro foi bem utilizado, trazendo legibilidade aos lanches mais difíceis e não atrapalhou o transcorrer da partida.

Acho que as substituições feitas pelo técnico do Cruzeiro foram erradas, entretanto, as que foram feitas por motivos de jogadores lesionados, só mostra, a limitação das peças de reposição que o plantel tem.

Por ultimo, triste ter que falar sobre o Comandante do time do América que se portou de forma inadequada e até mesmo infantil, o que não pode passar em branco, além do comportamento a ferir os protocolos efetuados por funcionários do Estádio Mineirão, de sua recusa em usar a máscara e crachá, com total destempero emocional e o pior maltratando as pessoas de serviço que o cobraram seguir as regras – Deprimente!

Jogo de volta com Mando do time do América no Campo do Sete e Setembro no Estádio Independência Belo Horizonte /MG no bairro Horto, no dia 09 de Maio de 2021 no próximo domingo as 16:00 hora com a vantagem de poder empatar ou perder pelo mesmo resultado, do jogo anterior.

Compartilhe esta publicação
Clique para Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *