Entre em contato conosco

Automobilismo

Campeão do Endurance Brasil, Cacá Bueno chega ao décimo título nacional da carreira

Publicado:

em

Cacá Bueno
Cacá Bueno (Bruno Terena/RF1)
Compartilhe esta publicação

Conquista obtida no último sábado ao lado de Ricardo Baptista reforça piloto carioca como maior campeão em atividade no automobilismo brasileiro

Cacá Bueno colocou seu nome na história do esporte a motor brasileiro no último final de semana. Ao se tornar campeão da categoria GT3 do Endurance Brasil ao lado de Ricardo Baptista, o veterano chegou ao décimo título em categorias nacionais, reforçando sua posição de maior campeão do automobilismo brasileiro em atividade.

Cacá fez sua estreia no campeonato de corridas de longa duração nesta temporada, e venceu duas corridas no ano: no Velocitta e em Interlagos, onde conseguiu, sempre ao lado de Baptista, derrotar os protótipos e vencer no geral com um Mercedes AMG GT3.

Além do título no Endurance Brasil, Cacá foi campeão das três edições da Copa Linea, triunfou uma vez na então Stock Car B, que se tornará “Stock Series” em 2022, e é pentacampeão da Stock Car, sendo o maior campeão em atividade na categoria. Na conta, não está incluído o Sul-Americano de Turismo, conquistado em 1999.

“É, sem dúvidas, algo muito legal. Claro que a gente entra em todos os campeonatos pensando no título, mas não fico fazendo contas como essa. Alcançar meu décimo título brasileiro mostra que sempre tive bons desempenhos, mas também que contei com equipes muitos fortes ao longo da minha carreira”, disse Cacá, que tem o apoio de iCarros, ACDelco, Red Bull, Itaú, Paraflu e Moss.

O piloto só tem um pensamento para a próxima temporada: “Já que chegamos aos dez títulos, vamos tentar aumentar este número. O que importa é sempre estar em equipes fortes, que nos permitam brigar por vitórias e campeonatos, seja na Stock Car, no Endurance Brasil ou em outras categorias”, completou.

Via assessoria de comunicação

Compartilhe esta publicação