Entre em contato conosco

Motor

Augusto Farfus e Rodrigo Baptista encerram a primeira temporada no Pure ETCR.

Publicado:

em

Conheça os resultados dos brasileiros no Pure ETCR.

Compartilhe esta publicação

Neste ano de 2021, surgiu a primeira temporada do Pure ETCR – uma categoria que utiliza carros de TCR, porém, elétricos. Tivemos a presença de dois brasileiros nessa temporada inaugural, e ambos por equipes diferentes. Augusto Farfus, pilotando o Hyundai e Rodrigo Baptista, guiando um carro da Romeo Ferrari – M1RA.

Rodrigo terminou o campeonato em quinto colocado, com 248 pontos e sendo o melhor carro da Romeo Ferrari. Augusto finalizou uma posição atrás de Rodrigo,e conseguindo 224 pontos. Ele foi o segundo melhor Hyundai, perdendo apenas para Jean-Karl Vernay, que foi vice-campeão.

A temporada conteve cinco etapas. Começando por Vallelunga, na Itália. Depois indo até Aragón, Espanha. Já na terceira etapa, eles foram até a Dinamarca, no Copenhagen. Logo em seguida, na Hungria, em Hungaroring. E para finalizar a temporada, a categoria esteve presente no circuito de Pau-Arnos.

Rodrigo começou a temporada com um sexto lugar na final. No segundo fim-de-semana, ele e Augusto dividiram o pódio, com um P3 e P2, respectivamente. Em terras Dinamarquesas, o nosso piloto da Romeo Ferrari não conseguiu ir ao pódio, assim ficando em quarto. Na Hungria, Rodrigo ficou com apenas um quinto lugar. Hungaroring era a única pista que Digo correu no calendário. Para finalizar o ano, apenas um P3 para Rodrigo e tua equipe.

Augusto teve uma temporada que foi uma montanha russa de emoções. Ele chegou já conseguindo uma pole-position, mas um furo no pneu, faltando três voltas, anulou a chance de sair vencedor desse primeiro round da categoria. Em Aragón, ele teve o primeiro pódio – com um P2. No histórico grande prêmio de Copenhagen, Farfus foi penúltimo, em quinto. Em Hungaroring, Augusto não iniciou a corrida, ficando um DNS. A Hyundai e Farfus concluíram o último fim-de-semana de corridas com uma vitória, um ótimo resultado para terminar.

Com três equipes, a equipe de Digo foi a vice-campeã e a de Farfus, a terceira. A distância foi de um ponto. Enquanto isso, a Cupra X Zengo Motorsport foi a campeã, com um gap de 67 pontos em relação à Romeo Ferrari.

Compartilhe esta publicação
Clique para Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *